Quinta de Pancas Reserva 2010

A Companhia das Quintas já nos habituou a grandes vinhos nas suas gamas Reserva e Grande Escolha, de todas as diferentes propriedades que compõem o seu vasto portefólio de marcas. Na Quinta de Pancas, representante da região de Lisboa, são elaborados anualmente o Reserva Tinto, o Reserva Touriga Nacional e apenas nos melhores anos o Grande Escolha (últimas edições de 2008 e 2011). Sou um seguidor destes vinhos e o Reserva conquista-me invariavelmente, possivelmente devido a um inteligente blend onde a estrutura do Alicante Bouschet, do Petit Verdot e do Cabernet, que exibe as suas sugestões de pimento verde, se equilibram de forma generosa com as notas mentoladas do Merlot e algum toque de elegância floral da Touriga Nacional. Um tinto austero, algo sisudo por vezes, muito complexo, gastronómico, mas sempre comunicativo, impositivo e com alguma capacidade de evolução. Relação preço-qualidade muito boa.

Bonita cor com a auréola violeta a sugerir a presença da Touriga Nacional. Aroma atractivo e elegante, a inevitável fruta vermelha madura, leve nota floral, complexo e multifacetado. Corpo bem estruturado, acidez moderada, taninos presentes mas bem definidos, especiado com final de belo comprimento envolto em sugestões de pimento e azeitona verde.
 

Sem comentários:

Enviar um comentário

UA-64594990-1