Feira de Vinhos do Campo Pequeno 2015

É com certeza uma das feiras de vinhos que mais gosto de visitar e são vários os fatores que contribuem para ano após ano seja visita obrigatória. O fator mais importante está na diversidade de produtores, e que nos permite conhecer referências que de outra forma seria difícil conhecer uma vez que parte não está disponível no mercado dadas as produções limitadas de alguns dos vinhos por se tratarem de pequenos produtores. O ambiente é descontraído e permite uma proximidade com os produtores que possibilita conhecer a história por detrás de cada rótulo. Outro fator importante prende-se com a possibilidade de compra direta ao produtor, e a garrafeira lá de casa agradece.
A edição 2015 desta feira, à semelhança das edições anteriores, brindou os visitantes com um ótima seleção de produtores que trouxeram ao Campo Pequeno o melhor que sabem fazer. Foram algumas as novidades e tivemos a oportunidade de provar excelentes néctares.

Os nossos destaques desta edição da Feira de Vinhos do Campo Pequeno vão para os vinhos da Quinta do Lagar Novo, Lisboa, em particular os monovarietais Viognier 2013 e Chardonnay 2014 com aroma bem perfumado e tropical, boa acidez que resultam em vinhos muito equilíbrios e bom potencial de crescimento; Casas Altas, Beira Interior, em particular o Riesling 2014 que está ainda muito jovem, e o Reserva Branco 2008 que mostrou o potencial de crescimento dos vinhos brancos deste produtor; Somnium Branco 2011, Douro, um vinho de produção muito limitada e produzido a partir de vinhas velhas resultando num vinho muito equilibrado, elegante, com boa acidez e boa mineralidade; Quinta do Três Maninhos, Dão, mais um pequeno projeto de produção a partir de vinhas velhas do qual produzem dois tintos, com destaque para Centenarie Vinea 2013 que se mostrou muito elegante, aromático, e com final de boca fantástico. Provamos outros tantos vinhos fantásticos que ao longo dos anos tem dado provas da sua qualidade.
 
(Quinta do Lagar Novo, Lisboa)
(Casas Altas, Beira Interior)
(Somnium, Douro)

 (Quinta dos Termos, Beira Interior)

(Quinta dos Três Maninhos, Dão)
(Malvasia Colares, Casal Sta. Maria, Lisboa)


(Curral Atlântis, Açores)


 (Herdade do Cebolal, Setúbal)


(Adega Viúva Gomes, Colares)


(Espumantes Hehn, Távora-Varosa)


(Pinalta, Douro)
 

Sem comentários:

Enviar um comentário

UA-64594990-1